SÉRIE VILÕES – CAPITÃ MARVEL

Capa


Galera,tudo ok com vocês? Espero que sim!

Primeiramente eu gostaria de agradecer a vocês que estão gostando dos posts dessa série de VILÕES, eu tenho notado um aumento significativo de views aqui no site devido a essa série e me deixa muito feliz, sem falar que me amarro em fazer essa série, mesmo a mesma sendo a mais difícil e trabalhosa de ser produzida. Mesmo assim gosto muito. Obrigado!!!

DNbm8TF

Deixando de lado os agradecimentos, gostaria hoje de falar dela, que logo-logo estará entre nós no cinema, e é claro que  estou falando da Miss Marvel ou Capitã Marvel, como é chamada atualmente. Porém Carol já se aventurou com outros nomes, como por exemplo o Warbird ou Binária, época em que teve seus poderes roubados por Vampira. (Confira mais abaixo as aparências adotadas pelas Miss Marvel durante os anos)

 Sobre ela, Carol Danvers nasceu em Boston, sendo a única filha mulher no meio de dois irmãos. Contrariando a vontade do pai, que achava que ela deveria se casar com um homem que a sustentasse, Carol tornou-se uma jovem independente. Assim que se formou se alistou na Força Aérea Americana, realizando o sonho de poder voar. Os excelentes serviços prestados à Força Aérea a fizeram ingressar na CIA, onde se tornou uma das principais agentes secretas do serviço militar. Foi parceira de Michael Rossi, agente com o qual viveu uma relação amorosa. Ainda na CIA conheceu Logan, de quem se tornou grande amiga. Também como agente da CIA, infiltrou-se no espaço aéreo soviético com Logan e Benjamin Grimm (antes de se tornar o Coisa). A missão falhou quando foram interceptados pela Força Soviética, liderada pela Viúva-Negra. Felizmente, conseguiram partir a salvo no final. Foi designada a uma missão, novamente na União Soviética, onde foi capturada e torturada. Michael Rossi e Logan a salvaram, mas ela desistiu da carreira de espiã.

Todas

Após servir à CIA, Carol se tornou o mais jovem chefe de segurança da NASA, além de primeira mulher a assumir o cargo. Enquanto trabalhava no Cabo Canaveral, se envolveu romanticamente com o alienígena Kree chamado Mar-Vell, o Capitão Marvel original. O que acabou deixando-a em risco, como da vez em que ela presenciou uma luta entre ele e outro guerreiro Kree, Yon-Rogg, que usava uma máquina chamada Psico-Magnitron, a qual transformava o desejo das pessoas em realidade. O Capitão derrotou Yon-Rogg, mas a máquina explodiu atingindo Carol. Como a jovem sempre desejara voar e também havia se maravilhado com os poderes do Capitão Marvel, seu DNA se tornou um híbrido entre humano e Kree. Nascia, assim, a Miss Marvel.

Após esse breve resumo sobre ela, vamos aos seus principais vilões, afinal esse é o nome desse quadro. Só lembrando que nem todos os vilões são exclusivos dela, alguns são de outros heróis ou do próprio universo Marvel. Então bora la….


24 –  Hécate

24

Hecate era um dos Titãs que viveram no Olimpo e governaram o mundo antigo antes de Zeus o conquistar. Como Titã ela antecede Zeus e os doze atletas olímpicos, e ela também antecede a humanidade como todos os Titãs. Quando Zeus conquistou o Olimpo, Hecate foi um dos Titãs foram poupados, ele permitiu que Hecate mantivesse seu título de Deusa do Submundo. Quando Plutão escolheu Perséfone a ela para tomar como sua esposa, Hécate se enfureceu e se tornou a maior feiticeira de Olimpo e sendo conhecida como a deusa da magia, bruxas e feitiçaria. Para aumentar sua vingança Hecate começou a linhagem de bruxas na Terra, revelando os segredos dos mortos e ensinando magia para as primeiras bruxas do mundo. Ela foi a primeira divindade que concedeu magia aos mortais, enquanto deuses como Chthon e Agamotto só ensinaram isso mais tarde, depois dela.
Após Zeus se desentender com os Celestiais ele proibiu os Deuses de se meterem nos assuntos humanos. Quando Hecate foi exilada do Olimpo por Zeus, ele apagou suas memórias e a privou de seus poderes. Passados cinco mil anos depois, Hecate acreditava que ela era um cientista exploradora de outra dimensão, que foi confundida com uma deusa quando visitou a Terra pela primeira vez. Hécate depois se aliou aos Elementais, unindo forças para procurarem o rubi Scarab, onde acabaram enfrentando a Miss Marvel. Foi presa e levada para a prisão conhecida como Balsa, sofrendo de amnésia, Hecate escapou ao lado do Homem – Touro, Grifo I e Basilisco I.
Ela foi em direção ao Brooklyn com eles, e os ajudou an tentativa de roubar um banco, onde eles logo se depararam com Hércules. Enquanto lutava contra seus aliados, Hércules brevemente deixou cair o escudo de Perseu, um objeto capaz de transformar qualquer um que olhe para ele em pedra. Quando Hécate pegou o escudo e ficou olhando para ele, ela recuperou suas memórias e restaurou sua magia, e percebeu que ela era de fato a verdadeira deusa da magia do Olimpo, e ela prometeu conquistar o Brooklyn e matar Hércules, como um ato de vingança contra Zeus por exila-la do Olimpo e tê-la privado de sua memória e poderes. Usando sua magia ela transformou o Brooklyn em uma versão da antiga Grécia e todos os habitantes do Brooklyn em monstros, mas quando foi derrotada por Hércules, Hecate se teleporta, fazendo com que o Brooklyn e seus habitantes voltassem ao normal. Possui poder de invocar imagens ocultas na mente de qualquer pessoa e torná-las reais, ela também possui um bastão de energia e consegue viajar pelas dimensões.

Alter Ego: Hecate.
Primeira Aparição: Ms. Marvel # 11 (Novembro, 1977).


23 – Robyn Hood

23

Robyn Hood é um robô criado com o propósito de espionar o movimento Occupy Wall Street.

O robô originalmente chamado RG-026 foi cultivado a partir de DNA mutante e criado por Shelley Godwin para Blackbird Security, com o objetivo de espionar o Movimento Occupy Wall Street, possivelmente para garantir os interesses do National Federal Bank. Como tal, ela foi codificada para ter a personalidade de uma pessoa que faria parte do movimento.
Durante um assalto, seu jetpack entrou em desacordo, então teve que ser resgatada pelo Homem-Aranha e pelo Capitão Marvel (Carol Danvers) e colocá-la contra a nova armadura da Boston PD.

Alter Ego: RG-026.
Primeira Aparição: Avenging Spider-Man # 9 ( Setembro de 2012 ).


22 – Doomsday Man

22

Um robô indestrutível criado pelo governo dos EUA que se fundiu com um humano.
O homem Doomsday foi criado pelos Estados Unidos após o primeiro Land Landing. Foi desenhado pelo médico Krontron. Ele foi criado para explorar outros planetas e sobreviver e proteger onde o homem não podia. Sua armadura foi feita para suportar qualquer temperatura ou gravidade, permitindo que ele mesmo funcione no Sol. Logo eles perceberam que esse robô era indestrutível e não podia libertar o mundo.

O governo constrói um enorme túmulo de concreto em uma ilha remota no Pacífico para abrigar o robô. Ele obedeceu às ordens para entrar e uma vez que o túmulo foi selado por controle remoto. Uma vez selado, o remoto autodestruído, de modo que ninguém nunca mais poderia ganhar acesso nunca mais. A ilha estava sob constante guarda sob os militares dos EUA. Muitos anos depois, monitores detectaram tremores vindos do interior e perceberam que o Doomsday Man não era mais imóvel. As Nações Unidas se reuniram para discutir a ameaça.
O Silver Surfer juntou-se a esta reunião. Embora os delegados não pudessem concordar, o Surfer sabia que ele deveria fazer alguma coisa. Ele pegou o criador e foi até a ilha. O Surfista viajou sob o túmulo e abriu caminho onde encontraram o Doomsday Man atuando sem nenhum comando. Ele atacou o surfista sob sua própria vontade. Em seguida, tomou uma bomba experimental de cobalto que também foi colocada no túmulo para que nunca mais possa ser usada. Doomsday Man dirigiu-se para o continente dos EUA.

Doomsday Man foi recuperado pelo AIM – um grupo que estava interessado no Cubo Cósmico . Eles o anexaram a um míssil ICBM e o lançaram no espaço. Marvel apanhou o Doomsday Man no espaço, mas ele caiu na Terra. Doomsday Man atacou a Miss Marvel enquanto recuperava as lembranças de seu passado. Ela se lembrou de esquemas de Doomsday Man, em particular uma fraqueza na parte de trás do crânio. Marvel perfurou a fraqueza e desativou Doomsday Man. O robô socou a Miss Marvel assim que ela desmaiou, e Kerwin Korman chega à cena. Ele ataca a Miss Marvel, permitindo que ele alcance o Psiquê-Magnitron, mas enquanto ele o toca, explode. A Miss Marvel sobrevive e se afasta da destruição. Doomsday Man e Korman foram pensados para serem vaporizados ou enterrados sob os escombros.

Alter Ego: Kerwin Korman.
Primeira Aparição: The Silver Surfer # 13 – The Dawn of the Doomsday Man! ( Fevereiro de 1970 ).


21 – Super Adaptóide (I.M.A.)

21

A “I. M. A.”, que significa Ideias Mecânicas Avançadas (em inglês A. I. M., que é a sigla para Advanced Idea Mechanics), é uma super-organização criminosa fictícia, presentes nas histórias em quadrinhos do Universo Marvel, publicadas pela Marvel Comics. Composta por brilhantes cientistas dedicados à conquista de poder e à derrubada de todos os governos através de recursos tecnológicos
A “I. M. A.” foi criada durante a Segunda Guerra Mundial pelo Barão von Strucker para desenvolver armamentos para a organização subversiva conhecida como Hidra. No final da década de 60, por motivos de divergências políticas, a I. M. A. desligou-se da Hidra e deu início às suas próprias operações de forma independente. Seus adversários mais antigos são o Capitão América, a S.H.I.E.L.D. e o Homem de Ferro.
O Super-Adaptóide: a segunda maior criação do grupo trata-se de um andróide, programado para se adaptar a qualquer situação, podendo reproduzir o super-poder, aparência e voz de qualquer personagem Marvel. Mostrando-se uma criação formidável, o andróide infiltrou-se nos Vingadores, passando-se por vários de seus integrantes, como o Gavião Arqueiro, a Vespa e o próprio Capitão América. Ironicamente o andróide foi absorvido pela própria identidade que revelou-se ser a derivada de um fragmento do Cubo Cósmico que tinha em seu corpo, desaparecendo da terra.

Alter Ego: Super-Adaptóide.
Primeira Aparição: Tales of Suspense #82 ( Outubro de 1966 ).


20 – Mestre dos Bonecos

20

The Puppet Master (em inglês) é um personagem fictício e supervilão que aparecem nas histórias em quadrinhos, publicados pela Marvel Comics. Ele usa argila radioativa para fazer fantoches nas semelhanças de pessoas reais, que ele então, controla, anexando os bonecos de barro a cordas e move-os como marionetes. Presumivelmente, ele tem algum tipo de habilidade psíquica que lhe permite fazer isso. Ele tem um profundo ódio ao Coisa, que é romanticamente interessado em sua enteada, Alicia Masters. 

O Mestre dos Bonecos enfrentou a Miss Marvel chegando até controlá-la, mas que logo se livrou das garras do vilão, e com a ajuda do Quarteto Fantástico e de outros heróis derrotando o vilão que sempre esteve presente nas histórias do Coisa e cia, pois se trata de um dos maiores vilões dos 4. 

Alter Ego: Phillip Masters.
Primeira Aparição: Fantastic Four # 8 (Novembro de 1962).


19 – Cru

19

Cru é um alienígena de cratera criada por seu povo para lutar e destruir a Brood (Ninhada). A raça de Cru era (tanto quanto sabemos) pessoas pacíficas que viviam em um planeta distante da Terra . Após um ataque de Brood que quase completamente aniquilou sua população, Cru se ofereceu para um experimento que a transformaria em uma arma capaz de combater a Brood. Cientistas do planeta de Cru usaram sua tecnologia para tentar transformá-la em uma criatura de guerra, e eles conseguiram. Assim que o processo foi concluído, ela atacou os cientistas e, eventualmente, prosseguiu sua tarefa de caçar e matar a Brood.

Cru era originalmente um inimigo de Carol Danvers ( Miss Marvel ), mas depois de um tempo acabou se tornando mais um aliado simbiótico. Na sua primeira aparição, estava tentando adquirir o cristal Cavorite e usá-lo como fonte de energia. The Brood, numa tentativa de se salvar, convenceu Cru de que o cristal Cavorite seria uma boa fonte de energia, uma vez que o Cru canaliza energia radiante. (O Cavorite Crystal pode criar coisas como as mais rápidas do que as unidades de estrelas leves e dispositivos anti-gravidade com apenas um pouco de energia, mas é instável, então muita energia torna perigoso.) A Brood esperava que quando Cru tentasse usá-la, isso destruiria os dois Cru e a Terra. O plano falhou e Cru destruiu a Brood e quando conseguiu o Cavorite Crystal, não morreu. Cru destruiu sem esforço uma base militar projetada para resistir a greve nuclear, obteve o cristal, destruiu a cidade vizinha e entrou no espaço onde foi confrontada pela Miss Marvel. Cru tinha integrado o cristal em seu corpo para que a Miss Marvel alcançasse dentro de seu braço de arma e explodisse energia no cristal, criando uma explosão que a soprava de volta à Terra e aparentemente destruiu o Cru. Após a explosão, peças de Cru começaram a se reformar no espaço.
Algum tempo depois, depois que a Miss Marvel se tornou líder de sua própria força-tarefa SHIELD , revelou-se que Cru não havia morrido e estava realmente dentro da Miss Marvel. Durante ou depois da explosão, Cru entrou de alguma forma dentro do corpo de Carol e a fazia fisicamente mais forte, mais durável e lhe dava um fator de cura que era, de acordo com a Besta , além de Wolverine . Logo após Beast ter executado sua segunda bateria de testes na Miss Marvel, Cru reapareceu.

Alter Ego: Cru.
Primeira Aparição: Ms. Marvel Vol 2 # 2 ( Junho de 2006 ).


18 – Tubarão-Tigre

18

Todd Arliss era um nadador olímpico que danificou sua medula espinhal quando ele resgatou um homem se afogando. Desesperado para recuperar sua capacidade de natação, Arliss participou de bom grado em um experimento do cientista Dr. Lemuel Dorcas. Ele foi “curado” misturando seu DNA com o de Namor – o Príncipe Submarino e um tubarão-tigre. Embora bem sucedido, o processo mudou Arliss tanto física como mentalmente: ele agora tinha dentes e brânquias afiadas e tinha se tornado selvagem e predatório. Tornando-se um super-vilão e chamando a si mesmo Tubarão-Tigre, ele descobriu e ameaçou Lady Dorma e depois foi coroado Senhor de Atlântida. O Príbcipe Submarino, no entanto, logo depos o Tubarão-Tigre e os dois se tornaram inimigos implacáveis.

Durante o enredo da Invasão Secreta , Miss Marvel salva Tubarão-Tigre de ser morto por um extraterrestre Super Skrull em Raft . Tubarão-Tigre também escaramuça com o personagem mercenário Deadpool na direção de Osborn. O Ancião do Universo, o Grande Mestre, também recruta o personagem para fazer parte de uma equipe chamada Infratores em uma tentativa de derrotar o Hulk .

Alter Ego: Todd Arliss.
Primeira Aparição: Sub-Mariner # 5 ( Setembro de 1968 ).


17 – Feiticeiro Supremo (Warren Traveler)

17

Na realidade alterada House of M (Dinastia M) , os mutantes dominam o mundo e Carol Danvers, conhecida como Capitã Marvel nesta realidade é a maior super heroína da Terra. Carol é amada e adorada por milhões, mas um homem a quer morta. O nome dele é Sir Warren Traveler, ex-Feiticeiro Supremo para o Rei da Inglaterra. O viajante é um adversário de longa data da Capitã Marvel, aparecendo pela primeira vez no programa de televisão Super Powers. Como a Capitã Marvel está salvando crianças de um edifício em chamas, o viajante a surpreende ao se teletransportar na cena e golpeá-la com um parafuso mágico. Capitã Marvel acredita que “ele poderia ter feito grandes coisas se quisesse”, mas em vez disso, “o que ele parecia gostar de fazer mais foi o golpe”. Usando um dos seus feitiços, ele transporta para frente e para trás ao longo do tempo, permitindo-se atacar Capitã Marvel várias vezes em um segundo. Ele convoca energia mágica na forma de um dragão e esmaga a Capitã através de um prédio, planejando matar a Capitã Marvel, “sentindo a carne de seus ossos”. Enquanto ele planeja destruir a Capitã, ela joga um gato em seu rosto numa tentativa desesperada de distraí-lo. Isso funciona e enquanto Traveler, mais uma vez, tenta se mover em segundos, seu feitiço dá errado e ele desaparece no ar.

Alter Ego: Sir Warren Traveler.
Primeira Aparição: Tamanho Gigante Marvel # 1 ( Abril de 2006 ).


16 – Piratas Siderais (Starjammers)

16

Esses não são bem inimigos dela, e sim amigos, mas já houveram vezes em que tiveram opiniões contrárias, que levaram a alguns atritos entre eles, pois como piratas eles queria saquear planetas e roubar mantimentos dos mesmos, e Carol era contra, já que seu único princípio era derrotar o império Shi’ar. 

Após Vampira “roubar” os poderes de Carol, ela com a ajuda do Professor Xavier, recuperou suas lembranças e participou de aventuras com os X-Men, e foi parar com estes no Império Shiar, onde todos foram contaminados pela Ninhada. No entanto, mais uma vez, ocorreu um fato inesperado: a incubação do embrião da Ninhada em seu corpo destravou os poderes, que retornaram em nível muito aumentado devido à exposição a um “buraco branco” (a estrela mais poderosa no quadrante shiar), uma fonte inesgotável de poder cósmico. Esse retorno dos poderes matou o embrião e a transformou quase em uma estrela humana – mudou seu codinome para Binária, e entrou para o grupo Piratas do Espaço, comandado pelo pai de Ciclope e Destrutor (o Corsário). Binária ficou anos se aventurando no espaço até que reencontrou os Vingadores durante a Operação Tempestade Galáctica, onde se feriu (seus poderes começavam a diminuir às escalas originais, talvez pela interferência do Sol). Carol Danvers contudo manteve alguns de seus poderes e voltou com os Vingadores à Terra, quando seus poderes finalmente voltaram aos níveis anteriores, e ela resolveu adotar o codinome Warbird.

“Os Starjammers (Piratas Siderais, no Brasil) surgiram na revista X-Men # 104, criação de Chris Claremont e Dave Cockrum. O grupo era composto por Christopher Summer, o Corsário, posteriormente revelado como pai do Cíclope, e os alienígenas: Lilandra Neramani (que posteriormente virou a regente de Shiar), Raza, Hepzibah e Ch’od. Um estranho grupo de piratas, de motivos nobres, lutando contra o terrível Império Shiar, governado por D’Ken. Apesar de nunca terem alçado o primeiro time de personagens da Marvel, já tiveram duas minisséries (além de diversas participações nas revistas mutantes), Spotlight On… Starjammers (de Terry Kavanagh e Dave Cockrum) e Starjammers (de Warren Ellis e Carlos Pacheco), ambas da década de 90, e agora voltarão num título regular.

Alter Ego: Vários.
Primeira Aparição: Uncanny X-Men # 107 (Outubro 1977).


15 – Treinador (Taskmaster)

15

Tony Masters, o Treinador, é um mercenário que já esteve ligado a algumas histórias de Carol. Ele é capaz de copiar qualquer estilo de luta, linguagem ou habilidade corporal de seus oponentes. Se fosse mesclado com o Super-Adaptoide e também conseguisse copiar os poderes de seus antagonistas, ele seria o vilão perfeito para Carol Danvers.
Ele aprendeu muitos movimentos por assistir vídeos de heróis em ação, e usou sua memória fotográfica para copiá-los e torná-los seus próprios. Considerando-se um empresário, Treinador abriu uma escola de mercenários e criminosos para o treinamento nas artes de combate. Treinador copiou perfeitamente os estilos das armas de combate de super-heróis, exceto o escudo do Capitão América, arco e flecha do Gavião Arqueiro, e os atiradores de teia do Homem-Aranha.

Alter Ego: Tony Masters.
Primeira Aparição: The Avengers #195 (Maio de 1980).


14 – Chthon

14

Chthon é um personagem fictício , um Deus diabólico demoníaco que aparece nos quadrinhos publicados pela Marvel Comics . Seu nome deriva de Chthon , a palavra grega para “terra” e “terrestre”, especialmente pertencente à terra que não era terra viva, mas escura como a da sepultura ou do submundo. Em alguns casos, Chthon é retratado como o equivalente ao Diabo primitivo de algum tipo anterior ao dos ensinamentos judaico-cristãos , como suas criações, N’Garai , foram expulsas da Terra pelo anjo Lucifer antes de sua rebelião contra Deus .
Chthon é um dos  inimigo de Carol nos quadrinhos, inclusive, nos quadrinhos, ele até tomou o corpo do Mercúrio para habitar-se e lutar contra ela.

Alter Ego: Chthon.
Primeira Aparição: Marvel Chillers # 1 ( Outubro de 1975 ).


13 – Ordem Negra

13

A primeira aparição da Ordem Negra como um todo aconteceu em New Avengers Vol. 3 #8, um prelúdio para a mega-saga Infinito de 2013 (lançada no Brasil em 2014). Nos quadrinhos, eles são um grupo de seres extraterrestres muito poderosos a serviço de Thanos, cujo propósito principal é cobrar os “tributos” do Titã.
Esses “tributos” se referem aos filhos que o vilão fez ao longo dos anos. Quando mais velho, ele decidiu se livrar de boa parte de seus herdeiros, assassinando dezenas de crianças e jovens. Além disso, a Ordem Negra também o ajudou a enfrentar os Vingadores, quando ele estava em busca das Joias do Infinito – que na época, já haviam sido destruídas.

Próxima Meia-Noite – A primeira e mais famosa integrante da Ordem Negra é Próxima Meia-Noite, uma vilã extremamente poderosa e calculista. Não se sabe ao certo detalhes aprofundados de sua origem, mas é dito que ela é uma das generais mais fiéis a Thanos, o que fez com que o Titã confiasse cegamente nela.
Assim como boa parte do restante de sua equipe, a personagem apareceu pela primeira vez em New Avengers Vol. 3 #8 e sua primeira tarefa foi se incumbir de resgatar uma das Joias do Infinito com o Príncipe Namor em Atlantis. Contudo, ela foi enganada pelo atlante e acabou destruindo boa parte de Wakanda, como uma forma de vingança de Namor contra o Pantera Negra.

Corvus Glaive – Marido de Próxima Meia-Noite, Corvus Glaive foi o primeiro membro da equipe a aparecer nas HQs, em Free Comic Book Day Vol. 2013 Infinity. Um ser tenebroso, ele possui uma lança mística capaz de partir átomos ao meio. Enquanto sua poderosa arma permanecer intacta, o vilão pode ressuscitar de qualquer tipo de morte, mesmo que tenha sido atomizado.
Possivelmente o maior aliado de Thanos, ele foi um líder dos exércitos para o Titã Louco. Sua principal função era buscar Thane, o filho bastardo do vilão e assassiná-lo na Terra. Contudo, quando ele chegou ao local, Glaive foi destruído por Hipérion, e sua lança foi congelada juntamente com Thanos e Próxima Meia-Noite no âmbar de Thane.

Fauce de Ébano – O mais ardiloso de todos os membros da Ordem Negra, Fauce de Ébano é um vilão que não parece ser tão perigoso quanto de fato é. Um ser extremamente inteligente e astuto, esse alienígena é capaz de persuadir pessoas a fazerem o que ele quiser, independente da força de suas mentes.
Durante a invasão da Ordem Negra na Terra, ele foi designado para enfrentar o Doutor Estranho e usou sua mente para fazê-lo invocar Shuma-Gorath no meio de Nova York. Seu principal papel na saga se deu quando ele descobriu o paradeiro de Thane e foi resgatar o jovem inumano, servindo como um mentor – ao mesmo tempo que entregava o rapaz para Thanos.

Estrela Negra – Estrela Negra é o brutamontes da Ordem Negra. Irmão de Corvus Glaive e cunhado de Próxima Meia-Noite, o vilão era um grande tanque usado para remover os inimigos de Thanos de seu caminho. Além de extremamente forte e durável, ele possuía um grande machado que era usado para decapitar seus oponentes.
Sua primeira missão foi enfrentar o Pantera Negra em Wakanda, onde foi sumariamente derrotado. Ele retornou para Thanos, na esperança de ser designado a uma tarefa mais importante. Acabou sendo castigado por seu fracasso no campo de batalha, e expulso da Ordem Negra.

Supergigante – Por fim, temos Supergigante, uma das integrantes mais enigmáticas da equipe. Alienígena de raça e origens desconhecidas, ela é um parasita mental, capaz de usar telepatia para devorar mentes alheias. Além disso, ela pode controlar mentalmente seus adversários, de quaisquer raças que eles sejam.
Em busca do filho perdido de Thanos, ela foi enviada juntamente com Corvus Glaive para a Terra, no Instituto Jean Grey para Jovens Mutantes e facilmente tomou conta de todos os X-Men, percebendo que Thane não estava lá.

Alter Ego: Vários.
Primeira Aparição: New Avengers vol. 3 #8 (Setembro de 2013).


12 – Rapina (Deathbird)

12

Cal’syee Neramani é a irmã mais velha da familia real Shiar. Apesar disso, lhe foi negado o direito de governar o Imperio Shi’ar devido a uma profecia que declarou desde sua infancia, que ela iria dedicar-se ao mal. E, de fato, a profecia estava certa. Após a morte de seu pai, o imperador Shiar, ela assassinou sua mãe e uma das irmãs a fim de tomar o trono. Cal’syee foi destituida do título e banida de Chandilar. Seu nome foi banido da língua Shiar.

Durante esse exílio, ela apareceu pela primeira vez na Terra e tornou-se um associado da MODOK e AIM em algum momento. Seguindo as ordens da AIM, ela lutou contra a Miss Marvel em Nova York uma noite depois que a cobertura da avenida Park de Carol Danver foi destruída por uma bomba. A luta foi interrompida depois que Rapina foi gravemente ferido na luta feminina, que se distraiu tentando salvar a vida de duas crianças pequenas.  Mais tarde, retomou quando Carol, agindo secretamente, descobriu que a AIM tinha uma sede secreta embaixo da loja de departamento de Alden. A batalha entre as duas aparentemente terminou com a morte de Rapina e a fuga de MODOK, depois de traí-la. Se Rapina buscou vingança contra Danvers ou AIM permanece desconhecido.

Alter Ego: Cal’syee Neramani.
Primeira Aparição: Ms. Marvel #9 (Setembro de 1977).


11 – Inteligência Suprema

11

O computador orgânico, a “Inteligência Suprema”, é um cérebro gigantesco que agrega as maiores mentes militares do povo Kree. É quase como se ele fosse um líder para toda a raça, e  ver uma terráquea tendo poderes de sua raça não o agrada muito.
Quando os Skrulls começaram a criar um cubo cósmico, os seus antigos rivais, os Krees, não quiseram ficar para trás e criaram a Inteligência Suprema, um computador orgânico que unia as maiores mentes krees em um só lugar, visando que essa união criasse seu cubo. Com o tempo, a Inteligência aumentou de importância e acabou assumindo o poder e controlando o império, percebendo que sua raça tinha chegado em um beco sem saída evolucionário, adotou a missão de evoluir seu povo de alguma forma. Durante anos teve participação ativa a frente do império e, frequentemente, a rivalidade com os impérios vizinhos a colocou em choque com os Vingadores, como no caso da Guerra Kree-Skrull e no conflito Shiar-Kree. Nesse um passo decisivo da Inteligência abalou o povo kree, pois ela explodiu uma bomba negativa que aniquilou o império, acreditando que os sobreviventes poderiam, finalmente, evoluir. Diante desse genocídio, os Vingadores se dividiram e uma facção, liderada pelo Homem de Ferro, decidiu aniquilar a Inteligência. Ela acabou sobrevivendo, encontrando seu fim nas mãos de Ronan, que a encontrou em um estado de semi-vida, causado pela Dinastia Fiyero.

Alter Ego: Inteligência Suprema.
Primeira Aparição: Fantastic Four vol. 1, # 65 ( Agosto de 1967).


10 – Arcade

10

Esse seria quase que o Coringa da Marvel, porém ao contrário do da DC, esse não faz nada, apenas manipula as pessoas sentado em uma cadeira, ou seja, é um sedentário.

Arcade é, particularmente, o vilão mais subestimado de todos os tempos dentro da Marvel. Um homem de passado incerto, tudo que se tem certeza sobre esse psicopata é que, depois de ficar muito rico, ele se entediou. E resolveu matar gente. Muita gente. Mas não bastava matar. Arcade se entretinha ao planejar seus assassinatos e crimes como jogos. Isso levou à criação de um parque de diversões onde ele cometia todos os seus crimes hediondos, chamado de Murderworld (ou Mundo do Assassinato). Porém, se ele foi popularizado como inimigo dos X-Men, foi em Arena dos Vingadores que o vilão teve o auge da sua carreira. Ali, vimos Arcade como ele era. Maligno, cruel e psicótico.

A Arcade não tem poderes sobre-humanos, mas tem um conhecimento absoluto de tecnologia de nível superior à ciência convencional, particularmente nos campos da robótica e engenharia mecânica e elétrica. Normalmente, quando ele parece ser capturado, acaba por ser um robô. No agente X # 5, revelou-se que o Arcade também possui algumas habilidades médicas que ele usa para salvar a vida do Agente X.
Na série Avengers Arena , o Arcade reteve facilmente um quadro de 16 super-heróis adolescentes de alta potência aparentemente sem ter que recorrer a dispositivos mecânicos ou tecnológicos de qualquer tipo. Ele mostrou a capacidade de criar campos de força, provou ser quase invulnerável para explosões de energia sem o campo de força, controlou as funções do motor de seus 16 cativeiros ao mesmo tempo, empregava telequinesia, fazia questão próxima se formar em um trono para ele sente-se, e sem esforço soltou um mutante quase invulnerável com um simples gesto. Essas habilidades, porém, são o resultado da tecnologia fornecida por sua esposa, Miss Coriander e só pode se manifestar dentro dos confins do Antarctica Murderworld.

Alter Ego: Arcade.
Primeira Aparição: Marvel Team-Up vol. 1 # 65 (Janeiro de 1978).


 09 – Modok

9

A ligação entre Carol e MODOK é um pouco estranha (para não dizer nojenta), pois o psicótico acaba por hipnotizar a Miss Marvel, fazendo-a se apaixonar por ele e fazendo-a unir-se a ele. Depois do fim do controle mental, ela fica furiosa com esse ato dele e eles lutam, com vitória dela. Além disso ela já ajudou a Mulher-Aranha e a Feiticeira Escarlate a derrotar Modok em outros momentos. 

 Antes um ser humano comum, George Tarleton foi forçado a se tornar uma cobaia humana, sendo posteriormente transformado no M.O.D.O.K. (Mental Organism Designed Only for Killing; em português, Organismo Mental Desenvolvido apenas para Matar). Chamando a si mesmo de O Cientista Supremo e usando seu vasto intelecto e poderes psiônicos, aniquilou todos os envolvidos na experiência que o criou.

George Tarleton foi submetido a um processo mutagênico que lhe concedeu inteligência sobre-humana, incluindo uma memória computacional capaz de calcular resultados prováveis que beiram a precognição; sua criatividade, no entanto, permanece a de um humano médio. Como MODOK, o personagem também possui poderes psiônicos, que lhe permitem controlar mentalmente indivíduos e grupos de grande porte e ainda gerar campos de força capazes de resistir a pequenas explosões nucleares. Por cortesia da tecnologia IMA, MODOK usa uma tiara que lhe permite concentrar seu poder mental em um raio de energia devastador. Um efeito colateral da mutação foi o crescimento da cabeça de Tarleton, até um ponto em que seu corpo não pôde mais suportar o peso, exigindo a implantação de um exoesqueleto e uma cadeira planadora. A cadeira está equipada com uma variedade de armas, incluindo mísseis e lasers. Ocasionalmente, Tarleton teve à mão um veículo humanoide gigante, proporcionalmente dimensionado para sua cabeça. Os órgãos de Tarleton também desgastam-se rapidamente, exigindo o uso de clones, cujos órgãos são utilizados para sustentá-lo. Como o líder da IMA, MODOK tem tecnologia avançada e um exército pessoal à sua disposição.

Alter Ego: George Tarleton.
Primeira Aparição: Tales of Suspense #93 (Setembro de 1967).


08 – Mística

8

Mística é uma Metamórfa capaz de mudar suas células adquirindo a aparência que lhe desejar e os poderes do que ela se transformar, tanto de humano quanto de animal, ela é uma mestra em manipular pessoas ao trocar sua aparência, ela assume seus atributos físicos, todas as habilidades, vestimentas e voz . Danos ao seu tecido biológico podem se curar a uma velocidade relativamente rápida e que pode formar uma resistência de venenos em cima contrair-los. Suas melhorias permitiram-lhe para voltar a crescer rapidamente membros decepados, e rapidamente recuperar de perto lesão fatal. Seus poderes conceder-lhe a maior agilidade; podendo se mover rapidamente para não ser acertada por golpes e balas.

Raven Darkholme era a inimiga mais poderosa de Carol Danvers antes de se tornar uma pedra no sapato dos X-Mens.
Diferente do que os desenhos e filmes possam sugerir, ela não é uma subordinada do Magneto. Ambos os vilões possuem seus aliados, mas dificilmente eles se relacionam nas histórias em quadrinhos.

Alter Ego: Raven Darkholme.
Primeira Aparição: Ms. Marvel #17 (Junho de 1978).


07 – Krees

7

Os Krees são uma raça humanoide, criadora de um vasto império reunindo cerca de mil mundos da Grande Nuvem de Magalhães. Originalmente de pele azulada, os krees iniciaram seu império há cerca de um milhão de anos, aproximadamente cem anos depois do seu império ter o primeiro contato com seus inimigos interestelares, os skrulls. Estes na época tentavam forjar um império galáctico com base no livre comércio, e pousaram em Hala para oferecer aos bárbaros nativos a oportunidade de avançarem até um ponto em que pudessem se unir ao seu sistema.
Descobrindo que Hala contava com duas formas de vida igualmente inteligentes – os humanoides krees e os vegetais Cotatis -, os skrulls propuseram um teste para determinar qual raça era mais dotada de méritos. Os krees perderam. Enfurecidos, seus delegados assassinaram os skrulls e os cotatis e tomaram posse da nave estelar skrull e de sua tecnologia avançada. Depois de dominar toda a tecnologia, os krees lançaram um ataque ao Império de seus benfeitores e arremessaram os pacíficos skrulls em um conflito que já dura milhares de anos e persiste até os dias de hoje.

Alter Ego: Vários.
Primeira Aparição: Fantastic Four vol. 1, # 65( Agosto de 1967).


06 – Kang, o Conquistador

6

 Nathaniel Richards nasceu no ano 3000 dC em uma realidade alternativa chamada de Terra-6311, ou contra-terra. Nathaniel tem o mesmo nome de um suposto ancestral que trouxe paz e prosperidade para o planeta. Um estudante excepcionalmente brilhante, Nathaniel era intimidado constantemente. Quando tinha dezesseis anos, um valentão cortou sua garganta, fazendo com que ele perdesse um ano de escola. Foi durante o tempo de recuperação de que Nathaniel ficou obcecado por aventuras ao assistir vídeos históricos de seus arquivos de família. Ele ficou particularmente fascinado com o Quarteto Fantástico, uma equipe liderada por um parente distante, Reed Richards.

Kang voltou para o século 20, onde queria desafiar o Quarteto Fantástico e seu antepassado, o Doutor Destino. Infelizmente para, ele não encontrou nenhum dos dois, e foi derrotado pelos Vingadores, formação que contia dentre eles a Miss Marvel.
Mais tarde, Kang viajou novamente no tempo para o momento em que sua garganta estava prestes a ser cortado. Ele parou o incidente, e mostrou ao seu eu mais jovem o que ele se tornaria um dia. O jovem Kang, no entanto não queria aceitar este destino, e fugiu para o século 21, onde tentou entrar em contato com os Vingadores para obter ajuda. Após a não conseguir falar com a equipe, ele formou os Jovens Vingadores para obter a atenção que precisava. Sua insistência acabou quando ele percebeu que havia destruído a linha do tempo.

Kang envelhece mais lentamente do que a humanidade moderna, aumentando a sua longevidade. Ele é um especialista em viagens e manipulação do espaço-tempo. Ele também domina tecnologias avançadas e tem uma inteligência de gênio.

Alter Ego: Nathaniel Richards.
Primeira Aparição: Avengers #8 (Setembro de. 1964).


05 – Ninhada (Brood)

5

A Ninhada são seres que moram no espaço.
O planeta de origem desta espécie é desconhecido, sendo encontrados pela primeira vez pelo Shi’ar, há muitos anos atrás quando começaram a infestar muitos mundos na fronteira do império. Passaram a ser uma das espécies mais temidas e odiadas pelos Shi’ar. Foi também neste período de contato com os Shi’ar que a ninhada encontrou os Acanti. Está é uma espécie semelhante a baleias e capazes de sobreviver aos rigores do espaço sideral, passando a infesta-las como parasitas e usando-as como naves para colonizar novos planetas Eles já infectaram personagens como a vilã Rapina e o herói Motoqueiro Fantasma, este último estava com os X-Men no momento em que lutaram. Eles entraram mais uma vez na Terra, mas dessa vez foi Miss Marvel que avistou e tentou impedir sua invasão.

A raça possui um exoesqueleto semelhante aos insetos, que tem função de proteção, tornando-os muito mais resistente a injúrias ambientais e a agressões. São muito fortes e resistentes. A ninhada possui garras, mandibulas e ferrões duplos na cauda, usados para o ataque a outros seres. Os ferrões podem conter parasitas ou veneno que são aplicados em seus adversários. Seus crânios são triangulares e achatados, com grandes pares de olhos. Apresentam manchas na testa que formam desenhos especificos característicos de cada clã de onde surgiu e que os identificam como indivíduos únicos dentro de seu grupo. A espécie têm três pares de membros, sendo o par dianteiro tentáculos longos e capazes de manipular objetos. Possuem também um par de asas que os permite voar quando necessário.

A reprodução desta espécie é assexuada ocorrendo com a implantação de um ovo no interior de uma outra espécie hospedeira. Quando o ovo se tornar um embrião, rapidamente irá alterar a personalidade do hospedeiro tornando-o suceptivel ao controle da rainha. Tendo o embrião completado seu desenvolvimento total, o hospedeiro é transformado em um membro com as mesmas características da espécie. Um membro da ninhada tem a capacidade de alterar sua forma, podendo manter a forma de sua espécie ou se assim desejar a forma da espécie hospedeira, permitindo assim uma eficiente camuflagem na caça de novos hospedeiros. Existe ainda a possibilidade de manter uma forma intermediária com características do hospedeiro e da ninhada.

Alter Ego: Vários.
Primeira Aparição: Uncanny X-Men #155 (Março de 1982).


04 – Rouge (Vampira)

4

No Brasil a personagem recebeu o nome de “Vampira”, em referência ao seu poder de “sugar” os poderes e memórias de quem toca. Ela apareceu pela primeira vez na revista Heróis da TV #100. A história começa quando ela joga Miss Marvel da ponte. Logo após, o Capitão América também é derrotado. Em seguida Vampira derrota o homem mais poderosos da Terra, Thor. Assim se inicia sua carreira de vilã.

Vampira é uma bela moça que possui uma vida sofrida e trágica. Criada por sua severa tia Carrie após eventos dramáticos envolvendo seus pais, a jovem Anna Marie fugiu de casa e acabou adotada pela transmorfa Mística e sua companheira, a precongnitiva cega Sina. O poder mutante de Vampira manifestou-se pela primeira vez no início da adolescência, quando em sua casa a menina beijou um garoto chamado Cody Robbins e sua mente foi invadida pelas memórias do rapaz, que entrou em coma permanente. Percebendo que nunca poderia viver com pessoas normais, Vampira começou a participar de atividades criminosas junto de sua mãe adotiva e, assim como Mística, juntou-se à Irmandade de Mutantes. Em sua primeira missão, a inexperiente mutante enfrentou Miss Marvel (Carol Danvers) e absorveu permanentemente as memórias e poderes da heroína, incluindo super-força e capacidade de voar.
Perturbada pela sua falta de controle, Vampira bateu à porta dos X-Men pedindo ajuda e orientação. Foi inicialmente muito mal recebida pelos integrantes da equipe,porém convencido da sinceridade da jovem sulista, o professor Xavier aceitou-a como membro da equipe.Foi treinada por Sereia(Chery) filha de Xavier, com quem criou uma forte amizade, mas as coisas mudam quando Vampira se apaixona por Gambit. Somente depois de Vampira arriscar a vida para salvar a noiva de Wolverine, Mariko Yashida, que os outros X-Men começaram a confiar na ex-vilã. Com o passar do tempo, Vampira provou ser uma das integrantes de maior atuação e valor na equipe. Posteriormente ela e Gambit se apaixonaram, apesar da impossibilidade dela tocá-lo sem causar danos. Participou, junto com outros 5 integrantes dos X-Men, do grupo especial que procurava pelos diários de Sina, que revelariam o futuro dos mutantes. Durante essas buscas, Vampira e Gambit perderam seus poderes, e aproveitaram a oportunidade para levar uma vida normal na comunidade solidária a mutantes de Vale Soleada, na Califórnia. Pouco depois, eles ajudaram os X-Men contra o predador de mutantes Borgan e retornaram à equipe. Anna Marie recuperou seu poder de absorção graças à habilidade de sua companheira de equipe, Sábia, de despertar o potencial genético latente. Confusa quanto ao seu passado, Vampira saiu em busca de suas origens. Descobriu que seus pais faziam parte de uma comunidade que visava alcançar os Bancos Distantes, um mundo de sonhos que só pode ser atingido por meio de um estado alterado de consciência. Porém, no desespero de chegar ao lugar místico a qualquer custo, o pai de Vampira, Owen, traiu sua esposa Priscilla, que se sacrificou para proteger os Bancos Distantes de pessoas egoístas como seu marido. Viajando até esse plano extradimensional, Vampira conseguiu fazer as pazes com o espírito de sua mãe.

 Alter Ego: Anna Marie.
Primeira Aparição: The Avengers Annual #10 (Agosto de 1981).


03 – Yon Rogg

3

Ele é um vilão do Capitão Marvel original, um soldado Kree enviado à Terra e que, certa vez, capturou Carol como uma armadilha para Mar-Vell, que amava a futura Miss Marvel.
Yon ativou uma bomba chamada psicomagnetron e, para proteger Carol da explosão, Mar-Vell colocou-se na frente, de modo que parte de seus poderes foram transferidos para ela.

Alter Ego: Yon-Rogg.
Primeira Aparição: Marvel Super-Heroes # 12 – A Vinda do Capitão Marvel (Dezembro de 1967).


02 – Rocha Lunar

2

Sempre apontada como a principal inimiga de Carol Danvers, Rocha Lunar é o alter-ego de Karla Sofen, uma psiquiatra manipuladora que adquiriu suas habilidades através do contato com rochas lunares, sendo capaz de controlar a gravidade e disparar energia.
Embora isso acabasse causando mais uma vez a ideia e o clichê do “vilão ser o gêmeo do mal do herói,” Karla tem um grande potencial como vilã. Principalmente, porque é uma vilã manipuladora capaz de colocar qualquer um em seus pés, fazendo com que possa comandar exércitos à sua disposição.

Alter Ego: Karla Sofen.
Primeira Aparição: Captain America #192 (Dezembro de 1975).


01 – Skrulls

1

 Os Skrulls tem uma aparência um tanto bizarra para os padrões humanos. São verdes, tem orelhas pontudas e seu queixo é repleto de saliências. Usam, na maioria das histórias, um uniforme roxo e um capacete preto. São inimigos dos Krees, outra raça de alienígenas guerreiros.

Os Skrulls têm poderes idênticos aos da vilã Mística, e podem se transformar em quem desejarem, contudo, não podem copiar a força ou os poderes deste. Em uma história, um comandante Skrull ordena um ataque ao planeta Terra, para coletar amostras de DNA dos membros da equipe do Quarteto Fantástico. Os Skrulls a conseguem, e o comandante, que havia unido forças com um comandante Kree (um império inimigo), usa a tecnologia deles e as amostras de DNA dos membros do Quarteto para se transformar na criatura conhecida por Super Skrull – um ser alienígena que possui os poderes de cada um dos membros do Quarteto Fantástico. Recentemente, estenderam o uso dessa tecnologia numa tentativa de dominar o planeta Terra: a Invasão Skrull. Para dominar os seres humanos, os alienígenas utilizaram-se de um sórdido estratagema: infiltraram agentes disfarçados de heróis Marvel entre as suas variadas equipes, com o intuito de capturá-los, torturá-los e, após extrair amostras do DNA para copiar seus poderes e criar novos Super Skrulls, matá-los. Com a união da Iniciativa, dos Novos Vingadores e dos Thunderbolts, os extraterrestres foram derrotados e expulsos do nosso mundo. Porém, como os maiores beneficiados foram os supervilões (principalmente os protegidos pela Lei de Registro de Super-humanos – caso dos Thunderbolts de Norman Osborn), o fim dessa saga coincide com o início de outra: Reinado Sombrio.

Alter Ego: Vários.
Primeira Aparição: Fantastic Four #2 (Janeiro de 1962).


Ms_Marvel_Vol_2_43_page_00_Carol_Danvers_(Earth-616)Pois é galera, esse foi nosso quadro de vilões de hoje, sei que alguns vão questionar sobre vário que estão na lista e que não são vilões da Capitã e nem tão pouco estão numa ordem correta de maiores vilões, porém nesse caso resolvi usar os vilões do qual ela já enfrentou em batalhas, deixando de lado o fato de ser ou não exclusivos dela. O outro fato, sobre a ordem dos vilões, resolvi colocar os mais conhecidos do universo da nossa heroína entre os primeiros, independente se era o mais forte ou o mais popular dos fãs.

Se você gostou dessa postagem, não esqueça de deixa seu comentário e dizer se faltou algum, ou se  deseja que faço um post como esse de algum vilão em específico. Ficarei aguardando. Até uma próxima pessoal!


NOS ACOMPANHE TAMBÉM EM:

FACEBOOK —- TWITTER —- INSTAGRAM

 

“Bom, não é algo que você é, é uma coisa que você faz”. KAHN, Kamala (nova Miss Marvel).

 


Gostou? Compartilhe! 



[Total: 1    Média: 5/5]

Flamenguista fanático, viciado em animes, séries, filmes e games . Frase: “Eleve seu cosmo, aumente seu ki, confie no coração das cartas e nunca se alie ao lado negro da Força”.