TOP 10 (SÉRIES) – SOBRE DIREITO E ADVOCACIA

capa


Fala galerinha do bem, hoje iremos iniciar (ou dar continuidade, pois já há um TOP 10 aqui no site ) uma nova categoria, dedicada somente as séries de tv ou streaming que nos deixa tão viciados!

Essa nova versão será um TOP 10 dedicados a artigos relacionados somente com séries, por exemplo, o de hoje falará sobre séries em que o foco principal é sobre direito e/ou um escritório de advocacia. Também será uma forma de outras pessoas conheceram séries novas e saber se compensa ou não ver aquela série que alguém te indicou.

Não sou o cara mais especialista em séries, mas estou aqui me atrevendo a falar sobre elas pelo meu vasto repertório e pelas horas e horas em que já fiquei na frente da tv ou do computador assistindo-as. Já cheguei a acompanhar 17 séries simultaneamente na mesma semana, ficava focado em ver os episódios que saiam no dia e assim não deixava acumulá-los e ainda assistia séries já finalizadas, e te digo: Não façam isso! Não vale a pena. Sempre que quiser acompanhar determinada série, foque e mantenha naquela, depois sim você muda para outra, é mais legal e não faz mal!

Então falarei um pouquinho sobre o que é, se já foi finalizada e deixarei a minha nota e a nota do maior site de avaliação do ramo (Imdb), que lista série e qualifica todas as série mais famosas. Então bora lá?


10 – Ally McBeal

10

Em décimo lugar tem Ally McBeal, que narra as aventuras de uma advogada (Ally McBeal) e seu desejo de encontrar um parceiro ideal para se casar e de se dar bem na vida, profissional e emocionalmente. Toda a trama se desenrola num escritório de advogacia, em Boston, onde Ally e o resto de seus colegas excêntricos trabalham e vivem situações bastante irreais.
Ally McBeal pesava menos de 50 quilos, tinha alucinações (tipo um bebê dançante, lá nos anos 90) e foi acusada de matar o feminismo. Enquanto tentava achar o homem ideal e imaginava Barry White cantando no seu quarto, Ally McBeal trabalhava num dos escritórios mais nonsense que já houve – em que o cenário principal era o banheiro unissex – e, como na outra série de David E. Kelly, nos divertia horrores enquanto discutia assuntos sérios e levantava discussões bem boas sobre machismo, assédio sexual etc etc. E, no fim do dia, ia todo mundo para o bar que tinha o karaokê mais legal da vida.

Minha Opinião:

Não cheguei a ver muito essa série, lembro de poucos episódios, lembro que seu foco nem era tanto na advocacia em si, mas na vida da protagonista. Uma série que não me agradou muito, a não ser pelas músicas, isso eu lembro que era muito boa, inclusive esse foi o motivo de ter começado a acompanhar essa série por um tempinho.

Status:

Finalizada ( 5 temporadas – 212 episódios ) 1997 – 2002

Notas:

Minha: 6,0
Imdb:  6,8


09 – Drop Dead Diva

9

Essa série já terminou. Ela teve seis temporadas, mas vale a pena conferir. Drop Dead Diva conta a história de Deb, vítima fatal de um acidente de carro que, ao entrar no céu, consegue voltar à Terra no corpo de Jane Bingum.
Agora, a nova versão de Deb é uma advogada que faz sucesso pela sua inteligência, mas que acaba ofuscada por estar acima do peso. Além desse choque de aparência, Deb ainda terá de dividir o escritório com o seu antigo parceiro.
Apesar de ser uma série de comédia e com conteúdo leve e bem humorado, Drop Dead Diva vai lhe mostrar como é o dia a dia dos escritórios de Advocacia e também dos tribunais, além de tocar em um ponto crucial nas relações profissionais como um todo: o poder da inteligência em detrimento da beleza física.

Minha Opinião:

Essa eu lembro que passava na Globo quase que todos os dias as 4h da manhã. Ela era bem focada na protagonista, mas não na vida dela e sim na sua forma física que era motivo de muitos preconceitos, tanto da própria protagonista quanto dos clientes ou réus. Série sem muitas novidades mas que dava pra assistir tranquilamente, qualificaria ela como razoável, nada mais que isso.

Status:

Finalizada ( 6 temporadas – 78 episódios ) 2009 – 2014

Notas:

Minha: 7,0
Imdb: 7,4


08 – Boston Legal

7

Repleta de humor-negro, a série é um spin-off da antiga The Practice e conta a história de Alan Shore, um ambicioso advogado que se junta ao seu melhor amigo, Denny Crane, o sócio sênior da Crane, Pool & Schmidt Advogados, para ganhar processos com o uso de métodos eticamente duvidosos.

Temas polêmicos e muita argumentação é o que não falta nessa série. Crimes que envolvem consumo de drogas, aborto e escândalos na mídia são defendidos. É bom para o futuro advogado já ir aprendendo algumas técnicas de oratória, algo fundamental na profissão.

Minha Opinião:

Lembro pouco dessa série, lembro que ela chamava Justiça mas era muito boa, além de ter um bom elenco e ser direta, sem muita enrolação e sem ficar focando em protagonistas, ela abordava temas que são considerados polêmico e era de fácil entendimento para os leigos dos termos de direito. Considero ela como boa.

Status:

Finalizada ( 5 temporadas – 101 Episódios) 2004 – 2008

Nota:

Minha : 7,9
Imdb:  8,4


07 – The Practice

8

Embora não seja muito recente – foi exibida entre 1997 e 2004 – essa é sem dúvida uma obra que merece menção nessa lista. A história da série gira em torno de uma firma de advocacia em Boston, onde para quem trabalha nela, todo cliente é importante e vale a briga. Somado a isso, o chefe da firma busca lidar o tempo inteiro com temas que envolvem a ética.

Minha Opinião:

Série bem seria e com um leve apelo para o drama, o que deixa a série melhor ainda. O destaque dessa série é a forma que são mostrados os casos, sempre focada em resolver os problemas dos clientes e dentro da lei. Acho que desse lista que apresento a vocês, essa é a série mais focada na advocacia. No Brasil foi exibida pela Fox e era chamada lá de “O Desafio”.

Status:

Finalizada ( 8 temporadas – 167 Episódios) 1997 – 2004

Nota:

Minha: 8,0
Imdb: 7,7


 06 – Damages

6.

 

A série narra o drama vivido pela bem-sucedida advogada Patty Hewes e sua associada Ellen Parsons na firma de advocacia Hewes & Associates, localizada na cidade de Nova York. A primeira temporada (2007) exibe a Hewes & Associates investigando o golpe que o multi-milionário Arthur Frobisher aplicou em seus investidores. A trama mais recorrente da temporada, porém, é a tentativa de assassinato sofrida por Ellen Parsons 6 meses após sua entrada na firma.

Minha Opinião:

Essa série conta a história de Ellen Parsons , a jovem advogada que conquista um cobiçado posto no escritório de Patty Hewes, uma brilhante e inescrupulosa titã do mundo jurídico novaiorquino. Conquanto tenha a ambição de ser como Patty, Ellen logo percebe que sua nova chefe teve de fazer um bocado de penosos sacrifícios para alcançar o sucesso. Por outro lado, o envolvimento de Ellen com os negócios de Patty Hewes coloca em risco não apenas a sua própria segurança, como também a vida de seus amigos e parentes.
A narrativa de Damages chama a atenção por seu esmero em costurar os detalhes de cada mistério, cada enredo (quer principal, quer subalterno). A utilização das técnicas de flashback e flashforward, embora não agradável ao paladar de alguns seriadores traumatizados, é feita com todo o cuidado possível. É a preocupação dos showrunners em oferecer aos telespectadores uma história coesa e com um número mínimo de pontas soltas.

Status:

Finalizada (5 temporadas – 59 Episódios) 2007 – 2012

Notas:

Minhas: 8,1
Imdb:  8,1


05 – The Good Wife

5.

“Queridinha” da crítica de televisão americana desde sua estreia, em 2009, no canal estadunidense CBS, The Good Wife conta a história de Alicia Florrick, uma advogada que é obrigada a retomar sua carreira após seu marido, o político Peter Florrick ser envolvido num escândalo sexual. Precisando sustentar os dois filhos adolescentes após a prisão do marido, Alicia retoma o trabalho na firma Stern, Lockhart & Gardner, comandada por Will Gardner, um antigo colega da universidade.

Combinando um roteiro inteligente e uma excelente atuação de Julianna Margulies como a protagonista, The Good Wife recebeu excelentes críticas, e diversas indicações aos principais prêmios televisivos. Margulies, por seu papel, foi a vencedora de um Emmy, um Globo de Ouro, e duas vezes do SAG (o prêmio dado pelo Sindicato dos Atores).

Minha Opinião:

Ainda não terminei essa, mas sei que se trata de uma série muito premiada, que acompanha a rotina da advogada Alicia e seu trabalho em diversos casos jurídicos que exigem resoluções muito inteligentes. Além disso, a série levanta uma importante reflexão sobre o papel da mulher no ambiente de trabalho. Recomendo.

Status:

Finalizada (7 temporadas – 156 Episódios) 2009 – 2016

Notas:

Minha: 8,2
Imdb: 8,3


04 – Better Call Saul

4.

A série é derivada do sucesso Breaking Bad. Ambientada seis anos antes de Saul Goodman conhecer Walter White – personagem principal de BB. Quando o conhecemos, o homem que se tornará Saul Goodman é conhecido como Jimmy McGill, um advogado de pequenas causas procurando o próprio destino e, mais imediatamente, tentando acertar sua vida financeira. Trabalhando ora junto a ele e ora contra, está Mike, sim, aquele também de Breaking Bad. A série acompanhará a transformação de Jimmy em Saul Goodman, o homem que coloca “criminosos” dentro da “lei”.

Better Call Saul foi aclamada pela crítica durante suas exibições, e indicada a 4 Emmys, inclusive de Melhor Série Dramática e Melhor Ator para Odenkirk. No Brasil, após ver o sucesso que Breaking Bad fazia no serviço de streaming, a Netflix comprou os direitos exclusivos de exibição, com os episódios estreando logo após irem ao ar nos EUA.

Minha Opinião:

Saul Goodman já é uma figura super conhecida dos amantes de seriados. Seu personagem fez tanto sucesso em Breaking Bad que ganhou uma série exclusiva, para narrar o seu passado como James “Jimmy” McGill, advogado iniciante que tenta alcançar o sucesso na carreira. Além disso, ele tem de lidar com problemas pessoais, como a doença rara do irmão e a frustração de ter sido demitido de seu escritório. Mas o importante é que, a cada episódio, Saul Goodman lhe ensina dicas preciosas de como se firmar na profissão como advogado. Ela só não está numa posição melhor porque o foco principal não é a advocacia.

Status:

Em andamento ( 3 temporadas – 30 Episódios) 2015 – presente.

Notas:

Minha: 8,7
Imdb:  8,7


03 – Suits

3.

A série Suits é um sucesso e possui grande audiência na televisão americana. A série é rodada em torno de casos jurídicos sempre bem resolvidos, e com um toque de humor sarcástico, tudo isso dentro do escritório de advocacia “Pearson & Hardman”.
Suits mostra personagens manipuladores que conseguem resolver casos complicados, mesmo que a ética não seja aplicada. O personagem Harvey Specter é um dos melhores advogados de Nova York. Articulado, narcisista e extremamente inteligente, Specter sempre consegue ganhar qualquer ação judicial que seja colocada em sua mesa. Membro de um importante escritório de Manhattan, o personagem representa empresas multimilionárias e astros do esporte americano. Em busca de um associado para compor o seu escritório, o Harvey Specter encontra Mike Ross, um rapaz que nunca frequentou uma faculdade de Direito, mas possui memória fotográfica e enciclopédica impressionante, além de ter um alto conhecimento sobre as leis americanas. Harvey decide contratá-lo, colocando sua carreira e credibilidade em risco ao afirmar que Mike é formado em Harvard.

Minha Opinião:

O interessante dessa série é observar como a política é importante nas relações jurídicas, principalmente nos escritórios, e como ter algumas “cartas na manga” pode ser um grande diferencial. Série muito inteligente, personagens bem desenvolvidos e um enredo sensacional. Super recomendo.

Status:

Em andamento (6 temporadas – 92 Episódios) 2011 – presente.

Notas:

Minha: 8,7
Imdb: 8,6


02 – Scandal

2

Da mesma criadora de The Practice e Grey’s Anatomy, Scandal acompanha a história de Olivia Pope, ex-funcionária do Presidente dos Estados Unidos que cria seu próprio escritório de advocacia o Olivia Pope & Associates para tratar de casos que precisam ficar longe da mídia antes que causem um escândalo.

Minha Opinião:

A série é muito boa se assistida ininterruptamente, e conta a história de Olivia Pope, história essa que é chata,  quando contada o romance dela com o presidente americano, porém a parte de advocacia é muito boa, pois diferente de todas as outras citadas antes, essa é sobre crimes que precisam ser encobertos para não serem divulgados na mídia. Contando com um elenco excelente de apoio a série é muito clamada pela crítica. Eu consideraria a melhor se não tivessem as partes do romance citado. Depois da segunda temporada a série fica muito boa, com um grande destaque pra atriz Kerry Washington como Olivia.

Status:

Em andamento (6 temporadas – 106 Episódios) 2012 – presente.

Nota:

Minha: 9,0
Imdb: 7,8


01 – How To Get Away With Murder

1.

Dos mesmos produtores de Scandal, uma das séries mais recentes do mundo jurídico acompanha a história de um grupo de estudantes da East Coast Law School que tentará chamar a atenção da Professora Annalise Keating, papel da excelente Viola Davis, responsável por ministrar as aulas de Direito Criminal. Enquanto aprendem a livrar as pessoas do tribunal, Annalise e seus o alunos acabam se envolvendo em um assassinato.

Minha Opinião:

A professora escolhe, a cada semestre, um grupo de quatro alunos para estagiar em seu escritório e ficar frente a frente com a prática jurídica. E é aí que a série fica mais interessante: os alunos escolhidos se envolvem em um crime e vão precisar cada vez mais das aulas para sair ilesos.
O legal desta série é que além dos alunos, quase que todo mundo ali acaba se tornando cúmplices de algum crime, o que deixa todos presos e interligados. As partes de humor e sarcasmo da série é de se destacar, além das cenas picantes. Bem interessante essa série. Consideraria ela como excelente.

Status:

Em andamento ( 4 temporadas – 49 Episódios) 2014 – Presente.

Notas:

Minha: 9,2
Imdb: 8,2


 E ai pessoal, o que achou? Não sou estudante de direito nem sei muito sobre as leis, mas sobre série eu sei um pouco e posso afirmar que se essas não são as 10 melhores sobre esse assunto, muitas dessas estão entre as melhores. Também posso afirmar que as séries citadas são ótimas produções e que na humilde opinião desse que vos escreve, algumas das séries estão entre as melhores de todos os gêneros, não só sobre advocacia, então podem confiar.

Essa nova categoria de Top 10 será intercalada com a outra, sendo assim, em breve voltaremos com outros gêneros de séries e trazendo algumas produções que possam ser novidades para alguns ou mesmo uma sugestão de algo diferente das séries que estejas acompanhando. Então, não deixe de comentar o que achou sobre esse post e se faltou alguma, ou você não gostou das notas, estamos abertos a outras opiniões. Um abraço a todos!


Gostou? Compartilhe!



[Total: 1    Média: 5/5]

Flamenguista fanático, viciado em animes, séries, filmes e games . Frase: “Eleve seu cosmo, aumente seu ki, confie no coração das cartas e nunca se alie ao lado negro da Força”.