SÉRIE VILÕES – THE FLASH

capa


E ai meus jovens, saudações a todos. Hoje iremos falar mais uma vez sobre vilões, só que dessa vez de um personagem da DC Comics, para ser mais exato o Flash.

Flash (2)

Eu estava conversando com um amigo meu dia desses sobre os vilões do Flash, e ele me falou que gostava dos vilões, pois os que ele conhecia eram bem legais. Será? Eu particularmente acho que ele é um dos heróis que tem os piores vilões dos quadrinhos, isso porque muitos dos vilões dele ou tem o mesmo estilo de poder do nosso herói (no caso seriam velocistas) ou são inimigos que chegam até a ser cômico de tão absurdos e bizarros, levando em consideração vilões de outros heróis da DC como o Batman, que pra mim tem os melhores vilões.

Por eu falar isso não quer dizer que não goste do Flash, ao contrário, sou fã dele, porém prefiro ele na Liga da Justiça, mas isso não vem ao caso. Então não leve muito a sério a parte em itálico nas sinopses dos personagens citados abaixo.

Sem Título-1

Sabendo disso já deixo claro aqui que não irei distinguir de qual dos quatro Flash’s são os vilões, porém muitos deles acabam sendo vilões de todos, então não ficará tão desconhecido para quem só é fã de um ou de outro, pois acho que todos vão conhecer. Até então, quatro (sim, eu sei quem existem bem mais que quatro, mas me refiro aos mais conhecidos) diferentes personagens, cada qual de algum modo ganhou o poder da super-velocidade, assumiram a identidade de Flash: Jay Garrick (1940-1956), Barry Allen (1956-1986), Wally West (1986-2006, 2007-) Bart Allen (2006-2007).

Para quem viu nossa última postagem sobre os vilões do Spiderman, já conhece o nosso estilo de apresentação, ou seja, eu falarei sobre ele porém sem muitas críticas (mesmo sabendo que eles merecem e que vão ter algumas nos piores vilões..kkk). Então vamos lá:


20 – Multiplex

20 Multiplex

Já começamos com esse vilão que tem nome de copiadora ou de cinema. Também chamado de Capitão Clone (começamos com essa palhaçada de “capitão” antes dos nomes).

Multiplex é um svilão com a capacidade de criar corpos duplicados de si mesmo. Não se sabe quantos clones ele pode gerar. Sua carreira começou como um cientista que trabalha com Dr. Martin Stein , e ganhou poderes na mesma explosão que criou Firestorm (ou como conhecemos aqui: Nuclear) . Ao contrário de Firestorm, ele decidiu usar esses poderes para o crime. Ele foi membro da Sociedade Secreta dos Super-Vilões e do Esquadrão Suicida . Em Os Novos 52 , Multiplex é introduzido como um membro da nova Sociedade Secreta de Super-Vilões . Multiplex foi criado por Gerry Conway e Al Milgrom.

Alter Ego: Danton Black.
Primeira Aparição: Firestorm Vol 1 #1( Março de 1978).


19 – Magenta

19 magenta

Agora parece que vai.. SQN.. Porém essa “Magneta” até que é melhor que a maioria, só está nessa posição por conta da sua perseguição ao jovem Wally West. Que chatice! Tudo isso por ter levado um pé na bunda.

Frances Kane era a namorada de Wally West quando ele ainda fazia parte dos Novos Titãs, como Kid Flash. Frances era uma menina que queria apenas uma vida pacata com Wally. Ela foi um dos principais motivos que incentivaram Kid Flash deixar de ser um Titã e abandonar a vida de herói. Francis não gostava de ver Wally na Torre por sentir muito ciúmes de Ravena. Tinha tudo para ser uma garota normal, porém, descobriu ser uma mutante e ter o poder de controlar o magnetismo. O que mudou a sua vida para sempre. De início, renegou os seus poderes, e ás vezes, com muito custo, se transformava em uma aliada dos Titãs, vestindo um uniforme no qual escondia todo o seu corpo. Na verdade, ela realmente não gosta de ter poderes e de usá-los, queria apenas ter uma vida normal. Quando atuava como heroína, utilizava o nome Magenta. Magenta acreditava que tinha sido possuída por demônios. Quando Wally e Frances romperam o romance, ela quase enlouqueceu, tornando-se uma pessoa instável. Sempre que podia, declarava seu amor a Wally (agora Flash) e, quando ele era negado, o atacava. Por inúmeras vezes, Frances atacou não só o Flash, como também Linda Park, a nova namorada de Wally.

Quando Ravena voltou como uma entidade malígna, plantou uma semente de Trigon no corpo de Francis, para que ela tornasse sua aliada. Depois disso, Frances foi enviada aos Laboratórios S.T.A.R. para se recuperar, mas logo que estava bem, atacou Wally novamente.

Alter Ego: Frances Kane.
Primeira Aparição: New Teen Titans #17 (Março de 1982).


18 – Abra Kadabra

18Abra Kadabra

Não meus jovens, não estou falando sobre dois pokemons psíquicos, estou falando sobre esse vilão esquisito bagarai (parece mais um Zé Bonitinho)… Diretamente do século 64, Abra Kadabra vem de uma era em que o ilusionismo é tratado como algo obsoleto. Mas como ele queria seguir a carreira de mágico viajou no tempo e usa de tecnologia futurista para fazer suas peripécias. Outro que falhou miseravelmente na sua meta de vida.

Ele voltou atrás no tempo procurando público e acabou por entrar em confronto com o Flash Barry Allen. Utiliza a mais alta tecnologia para fazer os seus truques. No seu período temporal, é considerado um perigo a população devido à sua insanidade e por usar a sua inteligência para cometer crimes. Assim como vários outros criminosos da DC Comics, vendeu a sua alma a Neron, e agora possui poderes místicos reais e muito perigosos.

Alter Ego: Citizen Abra.
Primeira Aparição: Flash #128 (Maio de 1962).


17 – Onda Térmica

16 Onda Térmica

Tá ai um dos pouco que se salvam, apesar de ser um simples e mero humano com um lança-chamas nas mão, daí o motivo da posição, porém não é um dos piores não.

Mick Rory era obcecado por fogo quando criança. Ele ficava horas olhando chamas, até que queimou sua própria casa. Curiosamente, Mick queria ser um bombeiro antes disso. Na escola, sempre usava frio, por esse motivo era motivo de chacota das outras crianças. Graças a uma brincadeira armada por uma das crianças que zombavam dele, Mick ficou com trauma de gelo. Ele fugiu de casa e se juntou a um circo como devorador de fogos. Estava feliz e achava que tinha controle de sua obsessão, mas acabou cedendo novamente e queimou o circo.

Rory inspirou-se na Galeria de Vilões para criar uma identidade para si. Assim, inventou uma arma lança-chamas e passou a usar um traje de amianto, assumindo a identidade de Onda Térmica. Como criminoso, passou a integrar a Galeria de Vilões. Após os acontecimentos de A Vingança do Submundo, Mick se regenerou e passou a trabalhar para o governo. Anos mais tarde, quando o vilão Pião retornou, Onda Térmica, sob sua influência, voltou a ser vilão e, depois da Crise, junto a Inércia e outros, assassinou Bart Allen, que havia assumido a identidade de Flash, na época. Como conseqüência, a Galeria foi levada para um planeta prisão, de onde retornaram após enfrentarem Parademônios. Ao voltarem a Terra, Capitão Frio formou uma nova Galeria, com Onda Térmica, e assassinaram Inércia. (Wikipédia)

Alter Ego: Mick Rory.
Primeira Aparição: The Flash #40 (Novembro de 1963).


16 – Plastique

17 Plastique

Uma vilã meio chatinha, sem muito a falar dela. Uma terrorista especialista em explosões que já enfrentou Nuclear. Também enfrentou o Capitão Átomo antes de se juntar ao Esquadrão Suicida.

Nos quadrinhos, Plastique apareceu pela primeira vez em Fury of Firestorm # 7 . Ela foi criada por Gerry Conway e Pat Broderick. Inicialmente uma vilã do Nuclear e, posteriormente, tornou-se um interesse amoroso do Capitão Átomo.

O presidente a perdoou por ajudar o governo, antes dela se casar com o Capitão Átomo . Após seu divórcio, ela voltou a uma vida de crime. Ela também foi membro do Esquadrão Suicida de Amanda Waller.

Alter Ego: Bette Sans Souci.
Primeira Aparição: Fury of Firestorm #7 (Dezembro de 1982).


15 – Tartaruga (Homem-Tartaruga)

15 tartaruga

Outro inútil, porém esse tem um poder até que legalzinho, ao contrário do Escarlate, ele consegue fazer tudo e todos ao seu redor ficar e câmera lenta, ou seja, pra fugir de algo é até legal…

Ele é um ladrão de bancos também conhecido como “O homem mais lento da terra“, foi um dos primeiros vilões enfrentados pelo Flash no começo de sua carreira, utilizava bastante de sua astúcia para cometer seus crimes, já que era muito lento. Em seu leque de habilidade havia um raio de lentidão e utilizava também uma carapaça que o permitia se proteger de diversos projéteis.

Alter Ego: Desconhecido.
Primeira Aparição: All Flash #21 (Dezembro 1941).


14 – Patinadora Dourada

14 Patinadora Dourada

Tá ai uma vilão que o melhor dela é a beleza, pois quem no mundo sai por ai com seus patins de patinar no gelo e sai cortando as cabeças dos seus inimigos? Tudo isso por conta do Barry que matou o seu treinador (e amante), o Pião.

Lisa Snart é o nome da vilã Patinadora Dourada, irmã do Capitão Frio. Enquanto seu irmão partiu pro crime, Lisa tentou se tornar uma patinadora e ganhar a vida honestamente. Isso até seu treinador, que também era um vilão, ser morto pelo Flash, jurando assim se vingar do corredor escarlate. Ela tentou inclusive matar Iris para atingir o velocistas, mas obviamente é detida. Desde então ela vem tentando, sozinha ou com seu irmão, se vingar do Flash.

Alter Ego: Lisa Snart.
Primeira Aparição: Flash #249 (junho de 1977).


13 – Rainbow Raider (Ladrão do Arco-Íris)

Ladrão do Arco-Íris

Em português (do Brasil) o cara se chama Ladrão do Arco-Íris…(???) Cara, que nome é esse que deram para um vilão? O cara nem é tão escroto assim pra ter um nome desse, mas ai vão lá e termina de lascar com esse nome…

Roy Bivolo é o nome do vilão Rainbow Raider, “genialmente” traduzido no Brasil para “Ladrão do Arco-Íris”. Bivolo era um pintor daltônico, cujo pai, que era um optometrista, tentou criar um aparelho que curaria a condição do filho. Após seu pai morrer, Roy Bivolo pegou os óculos que seu pai deixou para ele. Infelizmente, o aparelho não corrigiu sua visão e sim se mostrou capaz de projetar raios de luz, torná-lo invisível e afetar as emoções das pessoas.

Com raiva de todos renegá-lo e por ele não ter a capacidade de apreciar verdadeiramente suas obras de arte, ele, usando os óculos desenvolvidos por seu pai, se tornou o criminoso conhecido como Ladrão do Arco-íris, tornando-se inimigo constante do Flash (Barry Allen) e integrando a Galeria de Vilões.

Alter Ego: Roy G. Bivolo.
Primeira Aparição: First Appearance Appearance of Death The Flash #286 (Junho de 1980).

 


12 – Psycho-Pirate (Pirata Psíquico)

12 Psycho-Pirate

Esse é antigo, porém fez uma grande baderna na história de Allen. Não sendo, primariamente, um vilão do Flash, Roger atormentou o nosso herói durante a maxi-saga Crisis on Infinite Earths, quando se tornou aliado do Antimonitor.

Pirata Psíquico é um super vilão do universo DC. Sua identidade é Roger Hayden, e de posse do artefato Máscara Medusa, consegue controlar as emoções daqueles que lhe fitam a face, causando medo, alegria, paixão, etc. Infelizmente, o artefato também fazia com que Hayden sentisse as emoções residuais de suas vítimas, o que pouco a pouco foi desestabilizando sua sanidade. Ele foi membro de carreira curta na Sociedade Secreta dos Supervilões. Ele traiu ambos heróis e vilões, ficando do lado do Antimonitor durante a Crise nas Infinitas Terras. Não se sabe o porquê, mas ele é um dos pouquíssimos personagens que relembram como era o Universo DC Pré-Crise. Ele permaneceu como interno do Asilo Arkham desde então.

Alter Ego: Roger Hayden.
Primeira Aparição: Showcase #56 (Junho de 1965).


11 – Pião

11 - Pião

Apesar de ter um nome não muito ideal para um vilão, ele não é dos mais fracos não, porém não é o mais legal nem mais forte. Como tinha dito acima, ele já deu uns pegas na Patinadora. Sem falar que é meio sem graça você sair por ai jogando piões nas pessoas. Sabendo disso, alguns dos que já falei nem são tão ruins assim..

Roscoe Dillon era um viciado em piões. Foi com esse vício em mente que Roscoe desenvolveu um uniforme capaz de o fazer rodar como um. O seu primeiro embate com o defensor de Central City, acabaria em derrota. Contudo se em vida o vilão era perigoso, fazendo parcerias constantes com os restantes Rogues, seria na morte que a sua ameaça aumentaria ainda mais.

Regressando como uma espécie de espírito, Top vai possuir o corpo do pai de Barry, atacar a mãe e violar a campa de Iris.

Alter Ego: Roscoe Dillon.
Primeira Aparição: The Flash Vol. 1 # 122 (Agosto de 1961).


10 – Mestre dos Espelhos (Mirror Master)

 

10 mestre dos espelhos

Ai um vilão legal, pois seus poderes lhe permite entrar em um espelhos e sair em qualquer lugar que tenha outro espelho. Na verdade existiram 2 Mestres dos Espelhos: Evan McCulloch e Samuel Joseph Sam Scudder.

Depois de banhar um espelho com produto químicos, Sam Scudder descobriu que o item lhe permitia ingressar em outra dimensão e ressurgir em qualquer lugar onde sua imagem fosse refletida e tornou-se o Mestre dos Espelhos.

Este Mestre dos Espelhos foi um dos maiores integrantes da famosa Galeria de Vilões, liderada pelo Capitão Frio. Porém, em uma das histórias ,ele foi morto. Capitão Bumerangue (outro bandido da Galeria) tentou utilizar o pseudônimo do original, mas acabou descoberto.

Alter Ego: Samuel Joseph Sam Scudder.
Primeira Aparição: The Flash # 105 (1959).


09 – Capitão Bumerangue

9 Bumerangue

Tá ai outro vilão ridículo, não só pelo nome como por seus trajes. Só está nessa posição por ser um dos mais conhecidos vilões das hqs do Flash, pois se não fosse isso ele seria um dos últimos da lista.

Enfim, George “Digger” Harkness é filho de um soldado americano e uma australiana. Acabou abandonado pelo pai e teve uma infância muito pobre, sobrevivendo da confecção de bumerangues (???). Quando adulto, começou a fazer comerciais de bumerangues de brinquedos para uma empresa do ramo, até que foi apropriada pelo seu pai que de soldado voltou como empresário. Isso foi o suficiente para ele ficar puto e entrar para a vida do crime… Jogando bumerangue nas pessoas. Aff, cara…

Digger se tornou um dos grandes vilões do Flash, sendo mandado para a prisão com bastante frequência, mas ele sempre escapava pelo fato de implantar Bumerangues secretos nas prisões. Certa vez, com o uso de uma máquina, o Capitão Bumerangue foi capaz de transformar o Flash em um Bumerangue.

O Capitão se juntou ao Esquadrão Suicida na promessa de ter seus crimes perdoados, porém sua personalidade irritante e racista faz com que ele seja um dos membros mais indesejáveis da equipe.

Alter Ego: George Harkness.
Primeira Aparição: Flash Vol. 1 # 117 (Dezembro de 1960).


08 – Flautista

8 FlautistaDC

Hartley Rathaway nasceu surdo, mas conseguiu sua audição depois de um longo tratamento financiado pelo seu rico papai. Só que aí ele ficou obcecado pelos sons das coisas e acabou virando um criminoso que usa uma flauta hipnótica, forçando as pessoas a cometerem diversos crimes. Olhem só vocês que filho da &@%#! Era surdo o infeliz, aí o pai banca um tratamento e ele vira um bandido que usa uma flautinha? UMA FLAUTINHA??? Zerou a vida!

Hartley nasceu com um problema de audição, mas como sua família era muito rica ele conseguiu ter um bom tratamento e ganhou uma audição artificial melhor que a normal. Aprendeu a tocar vários instrumentos musicais, como piano e flauta, além de desenvolver um gosto enorme pelos estudos dos sons e pela acústica, valorizando sua nova audição. Com seu conhecimento em tecnologia ele inventou dispositivos que emitem ondas sonoras poderosas, capazes de atordoar outras pessoas ou até danificar construções. Tornou-se, por um motivo não muito claro, obcecado por capturar o Flash (Barry Allen). Depois disso ele até desenvolveu um distúrbio mental. Após curar-se do distúrbio, ele assumiu publicamente sua homossexualidade e resolveu se redimir, tornando-se um herói do bem, e inclusive é muito amigo de Wally West (o terceiro Flash). Hartley, o Flautista, possui um ouvido absoluto, ou seja, é capaz de identificar notas musicais ou outros sons facilmente. Isso não é um superpoder, afinal existem normais com isso. Sua audição é tão desenvolvida que ele é capaz de perceber quando alguém está se aproximando, portanto é praticamente impossível pegá-lo desprevenido. É um gênio especialista em tecnologia e engenharia. Como um antigo inimigo do Flash Barry Allen, o Flautista até frequentou a Galeria de Vilões, uma equipe formada por inimigos do Flash que se uniu para combater o velocista.

Alter Ego: Hartley Rathaway.
Primeira Aparição: Flash #106 (Maio de 1959).


07 – Cobalto Azul (Cobalt Blue)

13 Azul cobalt

Agora começa a aparecer os melhores vilões (pelo menos melhores que os anteriores), e esse é um bom vilão que só está nessa posição por não ser muito conhecido do público, porém se estivesse entre o top 5 não seria exagero.

Malcolm Tawne é o irmão gémeo de Barry. Separado ao nascer de sua família biológica, pelo médico que o trouxe ao Mundo. Malcolm cresceu no lar abusivo dos Tawnes. Eventualmente, conseguindo escapar, Malcolm saiu rumo a Central City, em busca do seu irmão perdido. Ao ver a vida que Barry tinha e descobrindo que este era o amado herói Flash, Malcolm fica pirado. Usando a herança da família Tawne e uma misteriosa gema azul, Malcolm irá transformar-se no vilão místico conhecido como Cobalt Blue (Cobalto Azul). Capaz de viajar pelo tempo e controlar as mentes dos que partilhavam laços sanguíneos consigo, Cobalt Blue tentar eliminar Barry da equação. O seu objetivo era substituir, efetivamente, o herói. E o fato, é que ele consegue. Malcolm mata Barry, mas acaba derrotado pelo terceiro Flash, Wally West, que restaura a linha temporal à sua normalidade.

Alter Ego: Malcolm Tawne.
Primeira Aparição: Speed Force #1 (Novembro de 1997).


06 – Mago do Tempo (Weather Wizard)

6 Mago do Tempo

Mark Mardon era um bandidinho chulé que após fugir da polícia foi se refugiar na casa do irmão. Lá ele encontrou um bastão que tem o poder de controlar o clima! É um dos vilões mais “respeitados” da Galeria de Vilões do Flash. Mas também, comparado aos outros…

Com a varinha do clima, o Mago do Tempo pode criar qualquer tipo de clima como tempestade, raios, chuva, neve, neblina e outros.

Alter Ego: Mark Mardon.
Primeira Aparição: The Flash vol. 1 #110 (Dezembro de 1959).


05 – Trapaceiro (The Trickster)

5 trapaceiro

Esse já é um pouquinho mais legal. James Jesse (Jesse James???) é um baita vigarista e mentiroso de mão cheia. Além de usar diversos truques como armadilhas, bombas especiais e outros gadgets. Mais tarde ele acabou se regenerando e até trabalhou para o governo.

James Jesse é o Trapaceiro original. O nome verdadeiro dele é Giovanni Giuseppe. O personagem usava vários truques, como bombas explosivas especiais, chiclete hidrocolídrico, dentadura… James é um dos mais famosos membros integrantes da Galeria de Vilões liderada pelo Capitão Frio. O Trapaceiro usava uma roupa colorida de vermelho (só antigamente), listras azuis e uma roupa amarela, e sapatos azuis.

O trapaceiro viria a trabalhar para o governo, aparentemente se regenerando. James estava presente, juntamente com o também regenerado Flautista, quando a Galeria de Vilões, atacou e matou o Kid-Flash (Bart Allen), cujos poderes haviam sido retirados por um clone maligno seu, o Inércia. Esse fato fez com que os dois vilões fossem caçados por forças federais e por todos os super-heróis e mesmo outros vilões. A dupla foi capturada pelo Esquadrão Suicida, mas conseguiu escapar. No entanto, durante a fuga, James Jesse é alvejado no coração e morto por Floyd Lawton, o Pistoleiro

Alter Ego: Giovanni Giuseppe.
Primeira Aparição: Flash Vol. 1 # 113 (Julho de 1960).


04 – Savitar

5 Savitar

Agora a porra ficou séria, porque de agora em diante só os cabulosos. Entre ele está esse cara que conheço pouco mas já considero pacas..

A identidade deste personagem é desconhecida, só se sabe que antes de se transformar em Savitar ele era um piloto de aviões do exército Soviético durante a Guerra Fria. Um dia, durante um teste de um novo avião a jato, ele conseguiu ultrapassar a barreira do som. Mas neste exato momento o seu avião foi atingido por um relâmpago e acabou caindo em território hostil. O que aparentemente era um acidente mortal, acabou dando superpoderes a Savitar, transformando ele num velocista.

Um piloto da Guerra Fria para uma nação do terceiro mundo, o homem que se tornaria conhecido como Savitar seria testar um jato supersônico. Quando alcançou a velocidade máxima, seu avião foi atingido pelo que parecia ser um raio, e ele desceu em território hostil. Descobriu que ele poderia derrotar o inimigo, movendo-se em super-velocidade, ele se tornou obcecado com a velocidade, nomeando-se depois Savitar , o “deus Hindu em movimento”, e dedicar sua vida para desvendar seus segredos. Como Savitar estudou, ele descobriu novos poderes que nenhum outro velocista vivo dominou. Ele pode se proteger em um campo de força de inércia nula, dar velocidade e energia cinética a objetos ou pessoas, mesmo aqueles em estado de repouso, e também pode curar seus próprios ferimentos quase que instantaneamente.

Alter Ego: Desconhecido.
Primeira Aparição: Flash vol. 2 #108 (Dezembro de 1995).


03 – Capitão Frio (Captain Cold)

2 cap.Frio

Sim meus caros fãs de Legend Of Tomorrow, nosso querido Leonard Snart está no top 3 aqui da nossa lista, e por que disso? Resposta simples, ele é foda! Vamos ao motivo disso: Leonard Snart sofria abusos na infância praticados por seu próprio pai. Acabou vivendo com seu avô que tinha um desses caminhões de entrega de gelo. Cresceu revoltadinho e inventou uma pistola de raios congelantes tornando-se o “incrível” Capitão Frio. É isso mesmo. O cara era tipo um entregador de gelo que trabalhava em frigorífico vendo se a carne era Friboi e Deus sabe como inventou uma pistola que congela.

Snart roubou um “ciclotron” e o usou para criar uma arma que dispara raios capazes de reduzir a temperatura ao zero absoluto. A maioria de seus crimes iniciais foram para ganhar o coração de uma mulher. Ele é parte importante do grupo chamado Rogues, ou “A Galeria de Vilões” no Brasil, composto de super-vilões unidos com a única intenção de derrubar o Flash. Na Galeria estão Capitão Frio, Mestre dos Espelhos, Flautista, Mago do Tempo, Trapaceiro, Capitão Bumerangue, O Pião e Onda Térmica.

Ele é um dos vilões mais conhecidos da Silver Age. O líder dos Rogues é um criminoso que se rege por um complexo código de moral, que o proíbe de magoar crianças, mulheres e animais, por exemplo. Esse código estende-se aos restantes membros do seu grupo.

Alter Ego: Leonard Snart.
Primeira Aparição: Showcase #8 (Junho de 1957).


02 – Grodd

3 Grodd

Ahhh… Agora sim! Grodd é um gorila (da Cidade dos Gorilas) super inteligente, além de um grande estrategista. Grodd é um gênio e possui uma força imensa e poderes telepáticos. E como todo bom vilão tem planos de dominação e conquista. Grodd é um personagem bacana, apesar de aparecer bastante nas histórias do Flash ele é um vilão que interage com toda a Liga de certa forma.

Em algum lugar das florestas do Congo, na África, jaz a Cidade dos Gorilas, onde símios tiveram suas faculdades mentais ampliadas por visitantes aliens. Os gorilas possuem uma ciência avançada, e mantêm uma redoma ao redor da cidade que mantém ela invisível para seres humanos. O Flash é o único humano que conhece a localização. A Cidade é governada pelo bondoso Rei Solovar. Grodd já tentou tomar o poder na Cidade dos Gorilas várias vezes.

Grodd é um gênio cientista que possui uma força imensa e poderes telepáticos, capazes de domínio ou ataque mental. Ele pode também transferir sua mente para o corpo de uma vítima.

Alter Ego: Grodd.
Primeira Aparição: The Flash #106 (Maio de 1959).


01 – Flash Reverso / Professor Zoom (Reverse Flash / Zoom)

1 Reverso

O melhor (no sentido de pior) vilão do Flash. Esse sim é zica! Eobard Thwane é um psicopata do século 25 que foi encontrado numa cápsula do tempo com um uniforme do Flash. Ele conseguiu usar uma máquina para amplificar a força de velocidade contida na vestimenta, o que lhe concedeu os mesmos poderes de Barry Allen enquanto estivesse vestindo o uniforme. Só que as cores eram invertidas em relação a roupa original do Flash, o que acabou rendendo também o apelido de “Flash Reverso”.

Para explicar melhor iremos dividir a história dele em dois personagens, Zoom e Reverso, isso porque em determinado rumo da história, ambos acabam se tornando uma só pessoa.

Sobre o Reverso: Também conhecido por Professor Zoom, Eobard Thawne surgiu, pela primeira vez, em 1963. Proveniente do futuro, nomeadamente, do século XXV, Thawne mostrou tendências criminosas. Inicialmente, fã de Barry Allen, Eobard duplicou o processo que deu a Allen os seus poderes. Viajando para o passado, Eobard pretendia substituir Allen, como Flash. Um vilão implacável, desprezado pela maioria dos Rogues do corredor escarlate, Eobard se torna o responsável por algumas das piores tragédias na vida de Barry.
Como Reverse Flash, Thawne matar a esposa de Barry Allen, Iris West, após esta ter recusado a deixar Allen. Meses depois, Thawne tenta repetir o feito com Fiona, mas desta vez nada feito, Barry antecipa-se e mata o vilão. Alguns anos mais tarde, o criminoso voltaria dos mortos e em Flash Rebirth seria revelado como o responsável pela morte da mãe de Barry.

Já sobre Zoom: Hunter Zolomon teve uma vida difícil e passou por muitos problemas antes de se estabelecer em Keystone City, o lar do Flash. Lá, ele foi capaz de conseguir um emprego na delegacia local, trabalhando no Departamento de Meta-Humanos. Ele era bom em suas funções e estava sempre em contato com o Flash, Wally West. Logo, os dois se tornaram bons amigos, e Hunter foi fundamental para que vários dos casos do Flash fossem solucionados, mas ele sempre sentiu ressentimento por não receber os mesmos créditos que o amigo.

Hunter estava trabalhando no dia em que o Gorila Grodd arquitetou uma fuga da prisão, onde acabou gravemente ferido. Depois do incidente, um lado insano da personalidade de Hunter despertou. Hunter queria que Wally voltasse no tempo e impedisse o acontecimento. No entanto Wally se recusou e, a partir desse momento, a amizade dos dois desmoronou. Zolomon acabou usando a esteira cósmica para resolver sua situação sozinho, porém, uma explosão acabau lhe dando acesso a super-poderes, que o deixaram completamente louco.

Hunter Zolomon é o terceiro homem a ser chamado de Flash Reverso. O primeiro foi O Rival, inimigo de Jay Garrick. O segundo foi Eobard Thawne, também conhecido como Professor Zoom.

Alter Ego: Eobard Thwane.
Primeira Aparição: The Flash (vol. 1) #139 (setembro de 1963).


Bônus – Tubarão Rei – (King Shark / Nanaue)

7 King_Shark

Muitos vão falar que eu errei e tal, mas eu sei muito bem que ele não é só um vilão do Flash, e que ele é mais vilão do Superboy e do Aquaman do que do Flash, porém ele é muito foda e como ele já enfrentou o nosso velocista escarlate algumas vezes (inclusive na segunda temporada da série que está no ar), resolvi colocá-lo aqui para caso não esquece-lo num futuro próximo. E também porque aqui é um bônus e ficaria bem legal.

Tubarão-Rei (Nanaue) é um personagem fictício do Universo DC e um dos grandes inimigos do super-herói Aquaman. Ele foi criado por Karl Kesen e publicado pela DC Comics. O Tubarão-Rei faz parte da Sociedade Secreta de Supervilões, o Esquadrão Suicida e o Sexteto Secreto. Nanaue é uma humanóide-tubarão que nasceu através do seu pai, o Tubarão-Deus.

A pele reforçada do Tubarão-Rei provê a ele proteção para ataques marítimos e físicos. Ele tem dentes tão poderosos como um tubarão real, e gosta de usá-los como arma. Ele possui guelras aquáticas, assim o possibilitando de respirar embaixo d’água. Ele nada a grandes velocidades e é resistente ao frio. Sua força e resistência foram ampliados, sendo que agora ele pode levantar até 55 toneladas. Também pode regenerar membros decepados, órgãos e dentes arrancados.

Alter Ego: Nanaue.
Primeira Aparição: Superboy Vol 4 #0 (Outubro de 1994).



 

theflash__1__by_shadowunic-d9mwb8u

Então foi isso galera, espero que tenham gostado, pois essa deu bastante trabalho para ser feito e deu muito prazer também em poder apresentar (para muita gente) os grandes vilões do nosso querido Flash.

Em breve estarei aqui novamente com esse quadro, porém como de rotina o próximo será outro Marvel, pois como disse no post anterior da série, será sempre um Marvel e um DC. Então aguardem e até a próxima.


NOS ACOMPANHEM TAMBÉM EM:

FACEBOOK —- TWITTER —- INSTAGRAM

“Não importa se é o garoto mais devagar na aula de Educação Física ou o homem mais rápido do mundo. Cada um de nós está correndo. Estar vivo significa correr. Correr de algo, correr para algo ou alguém. E não importa quão rápido você é, há certas coisas que não pode ultrapassar. Algumas coisas sempre te alcançam.” ALLEN, Barry.


Gostou? Compartilhe!



[Total: 1    Média: 5/5]

Flamenguista fanático, viciado em animes, séries, filmes e games . Frase: “Eleve seu cosmo, aumente seu ki, confie no coração das cartas e nunca se alie ao lado negro da Força”.